foto5.png

Castelo de Vide:Presidente da Câmara "orgulhoso" por autarquia estar no top cinco dos municípios menos endividados do país

A imagem pode conter: 1 pessoa, fato, óculos graduados e closeup

(Por Gabriel Nunes) - O presidente da Câmara de Castelo de Vide, António Pita, afirmou, hoje, que o facto de o município estar no top cinco das autarquias menos endividadas do país, “mostra a saúde financeira da casa e ao mesmo tempo a capacidade de toda a equipa em fazer uma boa gestão com orçamentos magros”.

 

A divida da Câmara de Castelo de Vide era a quinta mais baixa entre os 308 municípios portugueses no final de 2017. De acordo com o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, publicado, esta terça feira, a Câmara de Castelo de Vide, no final de dezembro de 2017, tinha uma divida de 414 mil euros.

A autarquia alentejana além de estar no top cinco das autarquias menos endividadas, conseguiu baixar a sua divida em 16,1 por cento, em comparação com dezembro de 2016.

Em declarações à Rádio Portalegre, o social democrata, António Pita, sublinhou ainda o facto do município estar bem posicionado na rubrica referente ao prazo médio de pagamento a fornecedores, que é de apenas quatro dias.

No top 20 das autarquias menos endividadas do país aparecem ainda Marvão (11º lugar), com 1,028 milhões de euros, Arronches (12º lugar – 1,080 milhões de euros), e Gavião (17º lugar – 1,320 milhões de euros).

Portalegre, por seu turno, surge no grupo das 50 autarquias mais endividadas do país, em 49º lugar, com uma divida de 25,8 milhões de euros no final de 2017.

Segundo o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses, durante o ano de 2017, ano de eleições autárquicas, a Câmara de Portalegre baixou a sua divida em cerca de 1,4 milhões de euros.

Tratou-se da redução anual mais baixa do passivo do município, desde 2010, ano em que a divida da Câmara de Portalegre atingiu um máximo histórico de quase 53 milhões de euros