foto5.png

Portalegre:Portalegre:Correr pelos Direitos Humanos

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas a sorrir, texto

(Por Gabriel Nunes/Susana Mourato) - O IPDJ de Portalegre quer por centenas de pessoas a correr ou a andar pelos “Direitos Humanos” no dia 9 de dezembro.

 

A corrida “Livres e Iguais” assinala os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos e dos 40 Anos da Adesão de Portugal à Convenção Europeia dos Direitos Humanos. 

Apresentada, segunda-feira, em conferência de imprensa, a iniciativa é aberta a toda a população, e visa promover a consciência pública sobre a importância decisiva dos direitos humanos numa sociedade livre e democrática.

Em declarações à Rádio Portalegre, Miguel Rasquinho, diretor regional do Alentejo do IPDJ referiu tratar-se de um dia “muito importante para o Alentejo, e em particular para Portalegre”, por ser a primeira vez que se realiza uma iniciativa deste género na capital de distrito.

Com partida e chegada junto ao IPDJ de Portalegre, na Avenida do Bonfim, a iniciativa é realizada em parceria com a Associação de Atletismo do Distrito de Portalegre (AADP) e União de Freguesias da Sé e S. Lourenço.

Segundo Daniel Madeira, da AADP, o evento, cuja inscrição é gratuita, é composto por seis provas com caráter aberto e inclusivo, com um percurso que vai passar pelo Rossio, Câmara de Portalegre, Jardim da Corredoura, Mercado Municipal e Edifício Navio.

As inscrições para a Corrida dos Direitos Humanos podem ser realizadas no site da Associação de atletismo de Portalegre (www.aadp.pt) até ao dia 6 de dezembro.

De referir que a Corrida pelos Direitos Humanos será realizada em simultâneo em Portalegre, Braga, Coimbra, Odivelas e Portimão.