foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Portalegre: tempo frio e seco veio para ficar- MeteoAlentejo

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, closeup e ar livre

As temperaturas vão descer abaixo dos zero graus no Alto Alentejo, com a previsão a apontar para valores negativos nas madrugadas de domingo e segunda-feira.

 

Em declarações à Rádio Portalegre, Luís Mestre, gestor do MeteoAlentejo, vincou que as temperaturas mínimas vão continuar a descer nos próximos dias para valores de zero e 1 grau negativo, no distrito de Portalegre.

Luís Mestre indicou que apesar das baixas temperaturas não há previsão de queda de neve, acrescentando que este inverno vai continuar seco, ou seja sem chuva, pelo menos até meados de janeiro.

O projeto MeteoAlentejo, que assinala oito anos de existência a 8 de janeiro, mostra as especificidades do estado do tempo no Alentejo, através dos vários equipamentos que tem espalhados pela região.

Segundo Luís Mestre, o Alto Alentejo é uma zona de grande importância, onde existem duas estações meteorológicas, ambas no concelho de Marvão, localizadas estrategicamente em diferentes pontos de altitude, no Castelo, ponto mais alto do Alentejo, e na quinta do Maral.

Luís Mestre dá ainda conta de uma curiosidade, revelando que, nestes dias mais frios, ao contrário do que se pensa, o Castelo de Marvão é das zonas com a temperatura menos baixa, sendo que os valores mínimos são registados nos vales e não nos pontos mais altos.

O MeteoAlentejo pretende, em 2019, alargar a sua rede a outras zonas, reforçando o serviço na região.

O projeto de meteorologia do Alentejo é sustentado através de parcerias com várias entidades públicas das regiões onde existem estações, nomeadamente em Marvão, Serpa, Beja, Amareleja, Mértola, Moura e Mourão.

Carla Aguiã