foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Futebol/Taça BP Portalegre:Eléctrico pode "escancarar" as portas para as "meias" se vencer na receção aos Gavionenses

Nenhuma descrição de foto disponível.

(Por Gabriel Nunes) - O Eléctrico recebe, este domingo, os Gavionenses, em encontro a contar para a quinta jornada da Taça BP Portalegre, e caso vença ascende ao primeiro lugar da classificação e praticamente apurado para as meias finais.

 

Em declarações à Rádio Portalegre, Hugo Lopes,  treinador da equipa de Ponte de Sor, que está em segundo lugar com 10 pontos, perspetivou um “jogo competitivo”, sublinhando que o seu conjunto parte em vantagem pelo facto de jogar em casa.

Os Gavionenses encontram-se no sexto lugar da classificação, com 2 pontos em três jogos, mas ainda não estão afastados das meias finais, contudo uma derrota em Ponte de Sor pode deitar por terra as aspirações da equipa.

Ouvido pela Rádio Portalegre o treinador do conjunto de Gavião, Nuno Gomes admitiu que estão obrigados a ganhar para continuar a acalentar a esperança de terminar esta fase entre os quatro primeiros.

O Mosteirense encontra-se no terceiro lugar, com 8 pontos em quatro jogos, e uma vitória na receção ao Gafetense abre as portas para o apuramento para as “meias” apesar do mesmo não ficar praticamente garantido.

No lançamento deste desafio, o treinador do conjunto de Mosteiros, Jorge Moura, disse que o único resultado que interessa à sua equipa é a vitória.

Vítor Nozes, treinador do Gafetense, sétimo colocado com 2 pontos em três jogos, admitiu que o apuramento do seu conjunto “está complicadíssimo”, mas lembrou que “o futebol é fértil em surpresas”.

Noutro encontro desta ronda da Taça da Associação de Futebol de Portalegre, o Fronteirense, quarto classificado, com 4 pontos em três jogos, tem o apuramento em aberto, e quer vencer na receção à Terrugem, para não complicar as contas.

Em declarações à Rádio Portalegre, o treinador do conjunto de Fronteira, Pedro Canário, disse que um resultado positivo, é uma vitória, mas não espera facilidades no confronto com a equipa do concelho de Elvas.

A Juventude da Terrugem está na oitava e penúltima posição, com 1 ponto em quatro jogos, e se perder em Fronteira, praticamente fica afastada das meias finais.

No outro jogo desta jornada, o Crato, quinto classificado, com 3 pontos em três jogos, recebe o Castelo de Vide ainda com ambições legítimas de se apurar para a próxima fase da Taça.

Na antevisão a esta partida o treinador da equipa da Cruz de Malta, Tiago Botelho admitiu que este jogo, “apesar de não ser decisivo é fundamental” para as contas finais.

Do outro lado, Daniel Reia, treinador do Castelo de Vide, que se encontra no último lugar da classificação, ainda sem qualquer ponto, reconheceu que uma derrota significa o adeus do seu conjunto ao apuramento para as “meias” da Taça.

Os jogos da quinta jornada da Taça BP Portalegre, na qual folga o líder Portalegrense, que soma 12 pontos, estão todos agendados para este domingo, a partir das 15:00.