foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Amantes do capote alentejano juntaram-se no Crato para promover uma agasalho "símbolo" do Alentejo

A imagem pode conter: 1 pessoa, a sorrir

(Por Gabriel Nunes) - Largas dezenas de “amantes” do capote alentejano participaram, sábado, no Crato, num encontro destinado a valorizar e promover a utilização de um agasalho “símbolo” do Alentejo. O Encontro do Capote Alentejano que se realizou pela terceira vez é promovido pela Santa Casa da Misericórdia do Crato.

 

Em declarações à Rádio Portalegre, o presidente da Câmara do Crato, Joaquim Diogo, disse que o facto de muitas pessoas, sobretudo no Crato, terem voltado a usar o capote alentejano “é uma vitória” da Misericórdia local.

Por outro lado, o autarca elogiou ainda a capacidade da Misericórdia em promover outros produtos da região, como é exemplo o vinho.

O provedor da Santa Casa da Misericórdia do Crato, Mário Cruz, admitiu que é ambição sensibilizar mais pessoas de várias regiões do país a adquirir usar o capote alentejano.

Segundo Mário Cruz o Encontro do Capote Alentejano levou cerca de duas dezenas de pessoas do concelho do Crato, nos últimos três anos, a comprar e a voltar a usar um agasalho que é típico desta região, mas também é apreciado noutros pontos de Portugal.

O terceiro encontro do Capote Alentejano voltou a realizar-se no Mosteiro de Flor da Rosa.