foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Marvão, Elvas, Valença e Almeida vão criar rota turística das Fortificações Abaluartadas da Raia

A imagem pode conter: 5 pessoas, pessoas em pé, fato, barba e interiores

(Por Gabriel Nunes/Susana Mourato) - Marvão, Elvas, Valença e Almeida, juntaram-se para criar a Rota das Fortificações Abaluartadas da Raia, um projeto que pode “alavancar” a candidatura daquele legado histórico a património mundial da UNESCO que está a ser trabalhada pelos quatro municípios.

 

Em declarações à Rádio Portalegre, o presidente da Câmara de Marvão, Luís Vitorino adiantou que a criação desta rota temática implica um investimento de 300 mil euros, financiada pelo programa Valorizar – linha de apoio à valorização turística do interior, do Turismo de Portugal.

Luís Vitorino adiantou que esta nova rota de turismo implica a criação de quatro centros de interpretação em cada um dos municípios envolvidos, pretendendo ser um produto turístico de valorização de “um legado histórico da raia portuguesa”.

Para o autarca alentejano a criação desta rota vai permitir a valorização e preservação do património, funcionando como “alavanca” para a concretização da candidatura das Fortalezas Abaluartadas da Raia a Património Mundial da UNESCO.

A cerimónia de assinatura do contrato de financiamento para a criação desta Rota, decorreu recentemente na Fortaleza de Valença e contou com as presenças da secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, e dos presidentes das Câmaras Municipais envolvidas no projeto.