foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Portalegre:PCP acusa independentes que governam a câmara de "fugir da prestação de contas como o diabo foge da cruz"

A imagem pode conter: céu e ar livre

(Por Gabriel Nunes) - O PCP de Portalegre acusou hoje o movimento independente CLIP que governa a Câmara de Portalegre de “fugir da prestação de contas como o diabo foge da cruz”.

 

Em causa, segundo o PCP, está o facto de o CLIP não ter apresentado, uma nova proposta do Orçamento Municipal para 2019, nem das Grandes Opções do Plano ou Mapa de Pessoal, na primeira sessão ordinária da Assembleia Municipal realizada na sexta feira passada.

Recorde-se que os documentos em causa foram reprovados pela Assembleia Municipal de Portalegre em dezembro de 2018.

Para os comunistas “a falta de vontade política em apresentar proposta dos documentos de planeamento fundamentais para a atividade municipal confirma que a [nova maioria] composta pela CLIP e pelo vereador eleito pelo PSD, não está interessada em ter escrutinada a sua ação governativa municipal, desafiando as mais elementares regras da transparência e funcionamento democrático das autarquias locais”.

O PCP acusa ainda a Câmara de Portalegre de protelar a contratação de um revisor de contas, a que as câmaras estão obrigadas, afirmando tratar-se de uma situação que parece ir ao encontro dos aparentes propósitos da presidente da Câmara em “fugir” ao escrutínio sobre a gestão dos dinheiros públicos municipais.