foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Portalegre: Vigília de enfermeiros da ULSNA juntou cerca de 70 profissionais de saúde à porta do Hospital Dr. José Maria Grande

A porta-voz do grupo de, cerca de 70 enfermeiros, que se reuniram esta terça-feira numa vigília em frente ao hospital de Portalegre, Isabel Telo, diz que o atual Governo é uma “ditadura de esquerda que manda em quase tudo”.

 

Isabel Telo, que reagia à decisão do Supremo Tribunal Administrativo, que deu razão ao Ministério da Saúde no caso da requisição civil para travar a greve dos enfermeiros, acrescentou que “não quer pensar que os tribunais também estão coagidos por esta ditadura”.

Pela valorização da enfermagem, contra a imposição de uma carreira e a requisição civil para por travão à greve, estes profissionais de saúde mostraram o seu descontentamento em Portalegre.

A vigília reuniu um número considerável de enfermeiros, que prometeram continuar a lutar pelos direitos de uma classe que se sente “impotente e triste”.

Susana Mourato/Carla Aguiã