foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

alentejo2020

"É impossível cumprir a regra de Governo que impede os politécnicos de apresentarem orçamentos em 2014 com receitas superiores a 2012" - presidente do CCISP

O presidente do Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos, Joaquim Mourato, considera “impossível” cumprirem a regra do Governo que impede os politécnicos de apresentarem um orçamento em 2014 com receitas superiores a 2012.

 Em declarações a esta estação emissora, Joaquim Mourato, explicou que no próximo ano os politécnicos vão ter que suportar, recorrendo às receitas próprias, parte da despesa com o pagamento dos subsídios de férias e de Natal, ao contrário do que aconteceu em 2012.

O também presidente do Instituto Politécnico de Portalegre revelou que os politécnicos não cumpriram a imposição do Governo e entregaram ontem à noite os orçamentos para o próximo ano, como é de lei, mas não respeitaram a regra imposta do Executivo que determina que as instituições do ensino superior vão ter de trabalhar com as receitas de 2012, ainda que consigam outro tipo de financiamento.

Joaquim Mourato disse esperar que os orçamentos sejam aprovados, porque não pretendem “fazer qualquer coisa fictícia para honrar uma regra administrativa”.

Gabriel Nunes/Susana Mourato