foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

Alentejo2020

Alto Alentejo:USNA acusa empresas de "perseguição" a dirigentes da CGTP

A imagem pode conter: 1 pessoa, ar livre

(Por Gabriel Nunes/Susana Mourato) - A coordenadora da União de Sindicatos do Norte Alentejano (USNA), Helena Neves, acusa algumas empresas do distrito de Portalegre de “perseguição” a dirigentes sindicais e de imporem “dificuldades à atividade da CGTP”.

 

Helena Neves, que foi eleita para um novo mandato de quatro anos, acusa ainda as empresas dos setores da grande distribuição e social de “incumprimento dos direitos da parentalidade.

A dirigente sindical aponta ainda a luta por aumentos salariais e o combate à precariedade como prioridades das lutas a travar durante o seu segundo mandato como coordenadora da USNA.