foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

António Costa aponta Rui Nabeiro como um exemplo do que se deve fazer para "puxar" pela economia nacional

A imagem pode conter: 10 pessoas, pessoas a sorrir, pessoas em pé, céu, nuvem e ar livre

(Por Gabriel Nunes/Carla Aguiã) - O secretário-geral do PS, António Costa, apontou o patrão e fundador da Delta, Rui Nabeiro, como um exemplo do que se deve fazer para “puxar” pela economia nacional.

 

António Costa mostrou-se ainda “orgulhoso” pelo facto do Comendador Rui Nabeiro ter tido a visão de criar no interior do país uma das poucas multinacionais de marca portuguesa, nomeadamente o Grupo Nabeiro-Delta Cafés.

O também primeiro-ministro desmontou ainda a ideia de que o interior seja um fardo para o país, aliás é da opinião que tem sido uma oportunidade desaproveitada para fazer uma das grandes alavancas de desenvolvimento do território nacional.

António Costa falava em Alter do Chão depois de uma visita à coudelaria e às obras do hotel Vila Galé Alter Real numa ação de pré-campanha, onde acompanhou o cabeça de lista do PS às eleições europeias, Pedro Marques.

Em declarações aos jornalistas Pedro Marques referiu que a sua candidatura “é feita de gente que faz coisas, também no interior”, salientando que as obras do hotel que está a ser edificado na coudelaria de Alter do Chão são exemplo do apoio que a Europa pode dar ao país.

Para o socialista “o que está a acontecer em Alter do Chão, não é só um hotel, é o revitalizar de algo que pode ser um grande referencial para o desenvolvimento do Alto Alentejo.

A ação de pré campanha do cabeça de lista do PS às eleições europeias, Pedro Marques, no distrito de Portalegre, fechou com um jantar na vila alentejana de Campo Maior.