foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Este domingo, 17/11, ouça a Tarde Desportiva a partir das 14h00, com os relatos dos jogos da 4ª jornada da Liga Francisco Gil: Castelo de Vide-FC Crato e Portalegrense-Mosteirense

Portalegre: úlceras por pressão afetam quase metade dos doentes internados em instituições do Alentejo. ELCOS leva o tema a debate este sábado

A imagem pode conter: 1 pessoa, comida

A Sociedade Portuguesa de Feridas (ELCOS) vai realizar sábado, em Portalegre, um Simpósio dedicado às úlceras por pressão, um flagelo que atinge sobretudo as pessoas acamadas e que chega a ter uma prevalência de 44 por cento em instituições do Alentejo, ou seja atinge cerca de metade dos doentes internados.

 

Em declarações à Rádio Portalegre Kátia Furtado, presidente da Elcos, explicou a pertinência do tema, referindo que “há pouca sensibilidade para estas feridas”, daí a necessidade de chamar a atenção e apresentar estratégias e soluções de prevenção.

Segundo Kátia Furtado as úlceras por pressão afetam cada vez mais doentes, essencialmente os que estão internados.

A mesma responsável acrescenta que o tratamento destas feridas é complexo e tem custos muito elevados.

O Simpósio ELCOS Um Olhar Sobre as Úlceras por Pressão, dedicado a profissionais de saúde e cuidadores, arranca às 09h00 de sábado no Centro de Congressos da Câmara Municipal de Portalegre.

Carla Aguiã