foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

Rádio Portalegre - 30 Anos ao Serviço da Região Alentejo

Este domingo, 26/1, ouça aqui a Tarde Desportiva a partir das 14h00 com destaque para a 6ª J. da Taça Grupo JI

Distrito Portalegre: Municípios "ganham" milhões para investir na saúde

A imagem pode conter: 10 pessoas, pessoas a sorrir, interiores

(Por Gabriel Nunes/Carla Aguiã) - Seis municípios do Alto Alentejo terão em 2020 um ano de investimentos de vários milhões de euros na melhoria de infraestruturas e equipamentos do setor da saúde.

 

Em Ponte de Sor, o centro de saúde local vai ser alvo de obras de requalificação e ampliação que implicam um investimento estimado na ordem dos 600 mil euros. Obras que o presidente do município local, Hugo Hilário, considera fundamentais para dar melhores condições para todos os que prestam serviços de saúde no concelho, bem como para os utentes.

O centro de saúde de Campo Maior também vai ser alvo de obras de requalificação e ampliação. O presidente da Câmara, João Muacho ainda não adianta o valor da intervenção, considerando que o mais importante é que a mesma vai ser uma realidade.

Em Portalegre, o Bairro dos Assentos, o mais populoso da cidade, vai dispor de uma nova Unidade de Saúde Familiar, num edifício que será construído de raiz.

A presidente da Câmara de Portalegre, Adelaide Teixeira, indicou que o município vai ceder o terreno para a construção do novo equipamento. O valor do investimento ainda não está apurado.

O Crato, depois do arranque, em setembro, das obras do novo centro de saúde, na sede de concelho, vai “ganhar” agora uma nova Extensão de Saúde na freguesia de Gáfete.

Sem adiantar também os valores deste investimento, o presidente do município local, Joaquim Diogo, sublinhou tratar-se de um obra “há muito desejada pela população de Gáfete e um anseio seu que agora vê em andamento e que irá beneficiar em muito os cidadãos”

A população de São Salvador da Aramenha, em Marvão, também vai ter ao seu dispor uma nova Extensão de Saúde. Segundo o presidente da Câmara, Luís Vitorino, a obra implica um investimento de cerca de 500 mil euros.

Em Castelo de Vide, a povoação da freguesia de Póvoa e Meadas também vai ter uma nova Extensão de Saúde, que implica um investimento na ordem dos 250 mil euros.

Para o Presidente da Câmara, António Pita, esta obra “é prioritária e fundamental, porquanto vem solucionar um problema que se arrasta há várias décadas em prejuízo da população de Póvoa e Meadas, a qual até à data tem encontrado em instalações improvisadas, sem condições, propriedade do Lar da 3ª Idade daquela Freguesia, a prestação de cuidados de saúde sem a qualidade necessária.”

Os protocolos ao abrigo dos quais vão ser levadas a cabo as referidas intervenções, foram celebrados, sexta feira, no âmbito das comemorações dos 45 anos do hospital de Portalegre, entre os municípios envolvidos e a Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA).

Os investimentos que vão ser feitos nos seis municípios serão comparticipados em 85 por cento por fundos comunitários, sendo a comparticipação nacional assumida em partes iguais pelas câmaras e pela ULSNA.