foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

Rádio Portalegre - 30 Anos ao Serviço da Região Alentejo

Este domingo, 26/1, ouça aqui a Tarde Desportiva a partir das 14h00 com destaque para a 6ª J. da Taça Grupo JI

Elvas:Presidente da Câmara defende que elvenses não podem ficar comodamente sentados à espera que o município resolva todos os problemas de cada um

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas em pé

(Por Gabriel Nunes/Susana Mourato) - O presidente da Câmara de Elvas, Nuno Mocinha afirmou hoje que “os elvenses não podem ficar comodamente sentados na esperança que o município tenha meios humanos e financeiros, para ser capaz de resolver todos os problemas de cada um”.

 

Nuno Mocinha, que falava nos 361 anos da Batalha das Linhas de Elvas, defendeu que “todos têm de ser capazes de fazer a sua parte, todos os dias, para tornar o concelho melhor, mais atraente e mais competitivo”.

Mocinha exortou ainda os residentes e os visitantes a colaborar com a limpeza da cidade, “evitando deixar um saco de lixo na primeira esquina, abandonar uma caixa de cartão na rua, atirar para o chão um papel ou saco de plástico, quando podem recorrer a uma papeleira ou um contentor”.

O autarca socialista anunciou ainda que a Câmara pretende, durante o ano de 2020, continuar a construção da nova Escola Básica 2,3 nº 1 de Elvas, concluir a obra do novo Museu de Arqueologia e Etnografia, iniciar a recuperação do Aqueduto da Amoreira, começar o processo da nova Residência de Estudantes da Escola Superior Agrária, alargar o Centro de Dia e requalificar 30 Fogos no Bairro da Boa-Fé, fazer a requalificação da Zona Industrial das Fontainhas, construir a nova sede dos escuteiros e avançar com as obras de recuperação do Cineteatro Municipal e da sede da Banda 14 de Janeiro.