foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

alentejo2020

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Este domingo, 15/12, ouça mais uma Tarde Desportiva a partir das 14h. Destaque para a 4ª j. Taça Grupo JI

Boas Festas - Feliz Natal

Portalegre:cerca de 90 pessoas assitiram à apresentação do projeto Rede de Apoio Mútuo da Cáritas Diocesanas da Raia

Tendo em vista a procura de respostas comuns aos problemas também comuns, de ambos os lados da fronteira, a Cáritas Diocesana de Portalegre e Castelo Branco em conjunto com Cáritas espanholas, desenvolveu o projeto: Rede de Apoio Mútuo da Cáritas Diocesanas da Raia em cooperação com o Instituto de Emprego e Formação Profissional.

Deste modo foi desenvolvida uma plataforma informática com ofertas de emprego portuguesas e espanholas, com o objetivo de reduzir o desemprego.

O projeto transfronteiriço foi apresentado esta terça feira em Portalegre, onde esteve presente o delegado Regional do Alentejo do IEFP.

Palma Rita, disse à Rádio Portalegre que “esta parceria pretende melhorar as condições de empregabilidade das pessoas que circulam nos dois lados da raia, e também melhorar a formação profissional”.

O projeto Rede de Apoio Mútuo da Cáritas Diocesanas da Raia, foi apresentado durante esta terça feira, no auditório do Centro de Formação Profissional e Portalegre.

Elicídio Bilé, presidente da Cáritas de Portalegre, congratulou-se com a com a adesão da população, nomeadamente jovens, à apresentação deste projeto.

O dirigente sublinhou que “o primeiro objetivo foi cumprido, pois foi possível fazer uma grande divulgação”.

A Rede de Apoio Mútuo da Cáritas Diocesanas da Raia inclui quatro projetos aprovados no âmbito do Programa Operacional de Combate à Discriminação 2007-2014 do Fundo Social Europeu e conta com a integração de dioceses portuguesas e espanholas.

O projeto tem como princípios fundamentais a “oportunidade, cooperação, apoio mútuo, relacionamento e desenvolvimento de recursos e transferência de conhecimento”.

Susana Mourato