foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 31 Anos ao Serviço da Região

Fique Em Casa / Cumpra as Normas da DGS / Proteja-se Por Si e Pelos Outros

Portalegre:PSP encerra estabelecimento e autua clientes que estavam a consumir bebidas alcoólicas fora da esplanada

Pode ser uma imagem de árvore, ao ar livre e texto que diz "POLÍCIA POLÍCIA"

(Por Gabriel Nunes) - A PSP de Portalegre anunciou hoje ter encerrado um estabelecimento comercial na cidade e autuado alguns clientes que se encontravam a consumir bebidas alcoólicas foram da zona de esplanada.

 

Em declarações à Rádio Portalegre, na sequência do inicio da segunda fase de desconfinamento em Portugal, na segunda feira, o Chefe José Moreira da PSP, adiantou que tirando esta ou uma outra situação, as pessoas estão a cumprir.

O relações públicas da PSP de Portalegre indicou ainda que a corporação reforçou a fiscalização, não só por causa de alegados incumprimentos, mas também para esclarecer dúvidas que os proprietários de estabelecimentos comerciais possam ter em relação à legislação em vigor.

Portugal entrou segunda feira na segunda fase do plano de desconfinamento do país devido à pandemia. Os alunos dos 2.º e 3.º ciclos retomaram as aulas presenciais e voltaram a estar disponíveis as Atividades de Tempos Livres dirigidas a esses estudantes, assim como centros de dia e equipamentos sociais de apoio à deficiência.

Na área da restauração, a segunda fase do desconfinamento permite também que os restaurantes, as pastelarias e os cafés que tenham esplanada reabram esses espaços ao ar livre, mas com grupos limitados a um máximo de quatro pessoas.

No que se refere ao comércio, desde segunda feira as lojas com porta para a rua com menos de 200 metros quadrados deixaram de ter de vender ao postigo e passaram a poder ter as suas portas abertas ao público.

Os ginásios também voltaram a reabrir, mas ainda sem a possibilidade de aulas em grupo.

Desde segunda feira, e durante a próxima quinzena, a proibição da circulação entre concelhos no continente português deixa de estar em vigor, mantendo-se encerrada a fronteira terrestre entre Portugal e Espanha.