foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Gala 30 anos da Rádio Portalegre dia 31 de Outubro no CAE de Portalegre - esteja atento às emissões da sua Rádio

25 Abril:Autarca de Portalegre diz que pedido de ajuda financeira externa não é desculpa para agravar desigualdades e injustiças sociais

A presidente da Câmara de Portalegre defendeu hoje que o recurso do país a ajuda financeira externa não pode servir de desculpa para agravar desigualdades e injustiças sociais.

Adelaide Teixeira, eleita por um movimento independente, que falava na sessão solene comemorativa do 40º aniversário do 25 de Abril, alertou ainda para os desequilíbrios de “um país claramente dividido entre um litoral desenvolvido e mais rico e um interior pobre e envelhecido”.

A bloquista, Maria da Luz Louro, alertou igualmente para os problemas das populações do interior do país, em particular do Alto Alentejo, afirmando que “o desenvolvimento da região é uma das promessas de Abril que ainda está por cumprir”.

Já a comunista, Ana Lopes, acusou os decisores de terem esquecido os valores de Abril, “fragilizando o seu imenso legado, nomeadamente a democracia, a conquista de direitos e de um Poder Local Democrático”.

O socialista, Fernando Soares, por seu turno, afirmou que os portugueses não são os responsáveis pela crise mundial, considerando que a mesma, visa, única e exclusivamente acabar com a classe média.

A crise que assola o país foi também o mote da intervenção do democrata cristão, Pedro Pinto, que considera que o momento atual deve ser de consensos e não de divergências.

O social democrata, Alcino Silva, defendeu que o 25 de Abril deve ser inspiração para todos, não só para os que o viveram e consolidaram mas sobretudo para as novas gerações.

Em Portalegre, as comemorações da Revolução dos Cravos, integraram ainda uma encenação musicada, subordinada ao tema “As escolas e os 40 anos de Abril”, com a participação de alunos de várias escolas.

Gabriel Nunes