foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Gala 30 anos da Rádio Portalegre dia 31 de Outubro no CAE de Portalegre - esteja atento às emissões da sua Rádio

Portalegre:perto de 40 por cento dos médicos do hospital local aderiram hoje de manhã à greve

Perto de 40 por cento dos médicos do hospital de Portalegre fizeram greve hoje de manhã, indicou o porta voz do Gabinete de 

Comunicação da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA).

De acordo com Ilídio Pinto Cardoso a paralisação dos médicos levou ao encerramento do bloco operatório daquela unidade hospitalar, contudo estão salvaguardados os casos considerados como urgências.

A nível nacional, a Federação Nacional dos Médicos aponta para uma adesão superior a 50 por cento, neste primeiro de dois dias de greve, indicando que em algumas unidades de saúde foram registadas adesões superiores a 80 por cento.

O protesto, que começou às 00:00 desta terça feira e decorre até às 24:00 de quarta feira, foi convocado pela Federação Nacional dos Médicos (FNAM) e conta com o apoio da Ordem, de várias associações do setor e também de pensionistas e doentes.

Ora, o ministro da Saúde, Paulo Macedo, diz não compreender a greve dos médicos, considerando que a situação “não é construtiva” para o país, que saiu recentemente de um período de emergência económico-financeira.

Gabriel Nunes

 

(Paulo Macedo - Ministro da Saúde)