foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Gala 30 anos da Rádio Portalegre dia 31 de Outubro no CAE de Portalegre - esteja atento às emissões da sua Rádio

Vinte edifícios públicos do Alto Alentejo podem conter amianto

Seis escolas, sete postos da GNR e dois edifícios da Unidade local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA); constam na lista de vinte espaços públicos do distrito de Portalegre que terão amianto na sua construção.

A conclusão consta no levantamento feito pelo Governo a todos os edifícios, instalações e equipamentos onde se prestam serviços públicos, com o objetivo de determinar aqueles que contêm amianto na sua construção.

Segundo a lista hoje publicada no Portal do Governo dezasseis por cento dos 12.944 edifícios públicos terão amianto na sua construção.

No Alto Alentejo, as escolas e os postos da GNR somam mais de metade do total de vinte edifícios públicos que podem conter amianto.

Em Portalegre a lista engloba a sede do Agrupamento de Escolas José Régio, a Escola Superior de Saúde, o Hospital Dr. José Maria Grande, a Autoridade para as Condições do Trabalho, o Instituto dos Registos do Notariado e o Tribunal Judicial.

No documento constam também sete postos da GNR, nomeadamente, em Alter do Chão, Elvas, Santa Eulália, Nisa, Ponte de Sor, Fronteira e Crato, e ainda a Escola Básica Mestre de Avis e a sedes dos agrupamentos das escolas de Alter do Chão, Monforte e Gavião.

O Instituto Nacional de Investigação Agrária em Elvas, a Autoridade Tributária e Aduaneira em Alter do Chão e a Extensão de Saúde do Assumar são espaços também incluídos na lista de edifícios públicos que podem conter amianto.

De acordo com o documento, os edifícios que “presuntivamente contêm amianto na sua construção” vão ser agora submetidos a uma análise dos dados já recolhidos, no sentido de determinar aqueles que devem ser “apenas sujeitos a ações regulares de monitorização” e aqueles que devem “ser submetidos a novas”.

Carla Aguiã/Rui Canatário