foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Portalegre: IPP aumenta o número de colocados na 1ª fase de acesso ao E.S, invertendo a tendência dos últimos anos

Na 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior de 2014, o Instituto Politécnico de Portalegre (IPP) vê colocados 191 novos estudantes, nas suas Escolas, o que corresponde a uma taxa de colocação de 37%.

À Rádio Portalegre, o presidente do IPP, Joaquim Mourato revelou ainda que, por via dos concursos especiais (onde se inclui o Concurso para Candidatos Maiores de 23 anos, as vagas para titulares de Cursos de Especialização Tecnológica e as vagas para titulares de Cursos Superiores) e Regime de Reingresso, Mudanças de Curso e Transferências), há um acréscimo de 175 novos alunos.

Em suma, as escolas do IPP já contam com 370 novos alunos, o perfazendo uma taxa de ocupação de 71,6%.

Ficaram 4630 estudantes por colocar nas fases seguintes do concurso nacional.

Para além da oferta formativa de 1º ciclo (licenciaturas), o Instituto Politécnico de Portalegre ainda está a receber candidaturas para os seus cursos de 2º ciclo (mestrados); cursos de especialização tecnológica (CET) e pós-graduações.

A nível nacional, quase 90% dos mais de 42 mil candidatos a um lugar no ensino superior público conseguiram colocação nas universidades e politécnicos na 1.ª fase do concurso, mas menos alunos do que em 2013 conseguiram ficar na 1ªopção.

De acordo com a informação divulgada pela Direção-Geral do Ensino Superior (DGES), este ano conseguiram lugar nas universidades e politécnicos 37.778 candidatos, apenas mais 363 do que os estudantes colocados na 1.ª fase do concurso de acesso em 2013, apesar do aumento do número de candidatos. Por ocupar ficaram 13.168 lugares, menos 1.008 do que em 2013.

Susana Mourato