foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Monforte:Câmara Municipal reduz divida global em 1,7 milhões de euros em três anos

O presidente da Câmara de Monforte, Miguel Rasquinho, anunciou hoje que conseguiu reduzir a divida global do município em aproximadamente 1,7 milhões de euros nos últimos três anos.

Segundo Miguel Rasquinho a divida da Câmara de Monforte, em 31 de dezembro de 2009, altura em que assumiu a presidência da autarquia, ascendia a 5,7 milhões de euros, caindo para cerca de 4 milhões, no final do ano passado.

Outro aspeto sublinhado pelo autarca socialista foi o resultado liquido “positivo” obtido nos últimos dois anos, com mais de 204 mil euros em 2011e mais de 80 mil euros em 2012.

Miguel Rasquinho considerou “notáveis” os resultados alcançados e justificou a recuperação financeira com a realização de uma “gestão rigorosa”, assente em orientações prioritárias e bem definidas.

Embora a gestão se tenha distinguido pela contenção, repercutindo-se, sobretudo, na diminuição da despesa corrente, Miguel Rasquinho garantiu que as atividades dirigidas aos munícipes e os serviços que lhes são prestados “mantiveram a mesma qualidade”.

O presidente da Câmara de Monforte realçou ainda a “capacidade” que o município teve para realizar obras estruturais comparticipadas por fundos comunitários, esclarecendo que foram executadas sete candidaturas ao QREN e duas ao PRODER.

Apesar da recuperação financeira da autarquia, Miguel Rasquinho, referiu que as dificuldades financeiras do município “não estão ultrapassadas”, pelo contrário, continuam a debater-se com “graves problemas de tesouraria” que comprometem muito do trabalho que gostariam de desenvolver.

Gabriel Nunes/Susana Mourato