foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 30 Anos ao Serviço da Região

Portalegre: Médico da ULSNA percorreu 2000 Km para sensibilizar população sobre o AVC

Missão cumprida. Um médico da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA) percorreu centenas de quilómetros de bicicleta, por dezenas de localidades, para alertar para a necessidade de prevenir e combater o enfarte do miocárdio e o acidente vascular cerebral (AVC).

Hélder Almeida chegou hoje a Portalegre, por volta das 11:00, após cumprir a última etapa que iniciou às oito da manhã em Monforte.

Com 63 anos de idade, o médico que foi vítima de um enfarte do miocárdio em 2010, conseguiu recuperar e dispôs-se a partilhar a sua experiência.

Saiu de Portalegre no dia 1 de abril e viajou de bicicleta pelo país durante um mês, percorrendo cerca de dois mil quilómetros, de povoação em povoação, num trajeto  pela linha de fronteira, para dizer às pessoas que “a recuperação é possível”.

Em declarações à RP, o clinico afirmou ter conseguido o seu desígnio, acrescentando que foi sempre bem acolhido nos vários quarteis de bombeiros onde pernoitou e onde proferia as palestras.

Ao longo desta viagem, Hélder Almeida levou consigo uma “mensagem de esperança”, de que “é possível recuperar totalmente e levar uma vida normal após sofrer um enfarte do miocárdio ou um AVC, desde que os doentes tenham um bom acompanhamento médico”.

Em Portugal, e de um total de 110 mil mortes anuais, cerca de 40 mil ocorrem por doenças cardiovasculares. Destas, 26 mil devem-se a acidente vascular cerebral e 10 mil a enfarte do miocárdio.

Carla Aguiã