foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

Rádio Portalegre - A Mais Ouvida do Alentejo

28 ANOS DE RÁDIO SEMPRE AO SEU LADO - WWW.RADIOPORTALEGRE.PT

Almaraz: Ambientalistas marcam início do ano político com concentração pelo encerramento da central nuclear

Foto de Rádio Portalegre.

A Quercus volta a alertar que um acidente na central nuclear de Almaraz traria sérios impactes imediatos para toda a zona fronteiriça, em especial para os distritos de Castelo Branco e Portalegre. Este sábado a associação ambientalista portuguesa participou em mais uma concentração pelo encerramento da central nuclear espanhola, localizada a cerca de 100 quilómetros da fronteira com Portugal. 

 

Em declarações à Rádio Portalegre, Nuno Sequeira dirigente da Quercus, disse que o Governo espanhol estendeu, em cerca de dois anos, o prazo para que os consórcios, que exploram a central nuclear de Almaraz, apresentem o pedido de renovação da licença de funcionamento desta central, que termina em Junho de 2020.

O ambientalista explicou que a concentração que decorreu este sábado em Navalmoral de la Mata, Espanha, pretende relembrar, no início do ano politico, que Almaraz deve fazer parta das prioridades nacionais e considerou que o Governo português deve ser célere e firme em acautelar os interesses nacionais, garantindo que se coloca em marcha o plano de desmantelamento desta central nuclear.

Esta concentração, convocada pelo Foro Extremeño Antinuclear e apoiada pelo MIA, o Movimento Ibérico Antinuclear, de que a Quercus faz parte contou com a simulação de um desmantelamento simbólico da Central de Almaraz.

Carla Aguiã