foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

alentejo2020

Futebol/Taça de Portugal: Eléctrico e FC Crato caíram à segunda eliminatória (c/som)

Foto de Rádio Portalegre.(Por Gabriel Nunes) - O Elétrico de Ponte de Sor foi, este domingo, afastado da Taça de Portugal, ao perder na deslocação ao Fátima por 4-2 após prolongamento, depois de um empate a dois golos registado no final do tempo regulamentar.

A formação alentejana foi para o intervalo a perder por 1-0 na sequência de um penálti convertido com êxito pela equipa da casa. Na etapa complementar o Elétrico deu a volta ao resultado, mas na última jogada do tempo regulamentar, aos 94 minutos sofreu o golo do empate novamente através de uma grande penalidade, contestada pelo conjunto orientado por Pedro Canário.

No prolongamento o Elétrico quebrou quando sofreu o terceiro golo e permitiu ainda ao Fátima ampliar a vantagem para 4-2.

 

Apesar de assumir que os seus jogadores cometeram “erros infantis”, o treinador do Elétrico disse que o árbitro do encontro, referente à segunda eliminatória da Taça de Portugal, teve influência no resultado, ao apontar o penalti “inexistente” que deu o empate ao Fátima.

 

(Pedro Canário, treinador do Eléctrico)

 

O FC Crato também foi afastado, este domingo da Taça de Portugal. A equipa orientada por Tiago Botelho perdeu por 3-0 na deslocação ao reduto da Sanjoanense.