Tribunal Leis Justica Ss 19

Agressor de taxista de Elvas fica em prisão preventiva em Espanha

O Tribunal de Instrução de Olivença, na Estremadura espanhola, decretou a prisão preventiva homem de nacionalidade portuguesa suspeito de ter esfaqueado um taxista de Elvas, em Olivença.

O suspeito de 54 anos vai ficar em prisão preventiva em Espanha e é aí que vai ser julgado, uma vez que o crime foi praticado em território espanhol.

Na última quarta feira, um taxista de Elvas, recebeu uma chamada para efetuar o transporte de uma passageiro. Depois de passar a ponte da Ajuda, já em Espanha, o cliente desferiu um golpe no pescoço do taxista, com uma arma branca.

O agressor colocou-se em fuga, mas viria a ser localizado e detido ainda no mesmo dia do incidente.

O taxista, na casa dos 50 anos, sofreu ferimentos considerados graves, foi assistido no Hospital de Santa Luzia, em Elvas, e já teve alta médica.