Prr

Campo Maior: 6,7 milhões para melhorar acessibilidades à zona industrial

Foi assinado, esta segunda feira (13 de novembro) o Auto de Consignação da empreitada para a melhoria das acessibilidades à zona industrial de Campo Maior, num investimento de 6,7 milhões de euros, financiado pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Em nota de imprensa, enviada à Rádio Portalegre, o Município de Campo Maior refere que “esta é uma intervenção há muito desejada pelos campomaiorenses, porque implica uma redução significativa do trânsito de pesados na vila e porque permitirá desenvolver os acessos à zona industrial o que, em combinação com uma melhoria das comunicações com a Plataforma Logística do Sudoeste Europeu (Badajoz), abre perspetivas de novos investimentos para o concelho”.

De acordo com a autarquia, a empreitada tem como principais objetivos aproximar as empresas da região aos principais eixos que constituem a malha fundamental para o transporte de pessoas e mercadorias, diminuição do tráfego rodoviário dentro de Campo Maior e o reforço da segurança rodoviária.

A obra prevê a construção de uma variante, a poente de Campo Maior, que irá melhorar as condições de acessibilidade ao tecido industrial de Campo Maior bem como ao tráfego de passagem que utiliza o eixo da N371 como acesso preferencial à fronteira com Espanha.

Com uma extensão de pouco mais de três quilómetros, a variante terá duas faixas de rodagem, uma em cada sentido.

PUBLICIDADE