Grous

Campo Maior volta a receber festival dedicado ao grou comum

A aldeia de Ouguela, no concelho de Campo Maior, um dos poucos locais do país especialmente indicado para observar grous, vai receber a partir de quinta feira e até domingo, a segunda parte da sexta edição do Festival dos Grous, uma espécie de aves avistada principalmente entre novembro e fevereiro.

Em declarações à Rádio Portalegre, João Sanguinho, porta voz do Grupo de Ecologia e Desporto de Aventura (GEDA) de Campo Maior, promotor do evento, indicou que o Censo Regional do Grou Comum, realizado na primeira parte do festival, em dezembro de 2023, contabilizou uma população ligeiramente abaixo das 3.587 aves que tinham sido sinalizadas no ano anterior.

João Sanguinho revelou ainda esta espécie de aves, que migram para Portugal durante o inverno, chegavam habitualmente em novembro, mas este ano começaram a ser avistadas um pouco mais tarde devido ás temperaturas, um pouco mais elevadas do que é habitual, no mês em causa.

Os dois primeiros dias da segunda parte da sexta edição do festival estão dedicados à comunidade escolar, com atividades e a projeção do documentário «Montado, a floresta do Lince ibérico» (quinta feira), e a colocação de caixas ninho para Rolieiros ( sexta feira), além de atividades em Ouguela e no Centro Ambiental do Xévora (CAX).

No sábado, a partir das 08:00, há saída de campo para observação de aves, além da estreia dos rural sketchers no Festival dos Grous. O almoço está previsto para as 12:00, e a seguir arrancam as Jornadas Técnicas, às 15:00. A partir das 17:00 há observação de Grous a partir de Ouguela assim como uma mostra dos trabalhos desenvolvidos pelo grupo ao longo do dia.

O último dia do festival, (domingo) é preenchido com a caminhada “Rota dos Grous”, num percurso com cerca de 8 quilómetros até ao Centro Ambiental do Xévora, havendo no final uma degustação de produtos regionais.

O grou-comum é uma grande ave, do tamanho de uma cegonha-branca, caracterizada pela plumagem cinzenta, destacando-se o enorme tufo de penas sobre a cauda. O padrão da cabeça é preto, branco e com uma pequena mancha vermelha. Em voo destaca-se pelo enorme pescoço, que é mantido esticado.