224871726 4258734004203404 2039416047174627301 N

Crato:António Costa preside à cerimónia de assinatura do novo contrato de financiamento da Barragem do Pisão 

O primeiro-ministro, António Costa,  desloca-se, este sábado, à aldeia do Pisão, no concelho do Crato, para presidir à cerimónia de assinatura do novo contrato de financiamento para o Aproveitamento Hidráulico de Fins Múltiplos do Crato, vulgo barragem do Pisão.

Em nota de imprensa enviada à Rádio Portalegre, a Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo (CIMAA), esclarece que com a atualização da reprogramação do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), o projeto da Barragem do Pisão passa a ter uma dotação de 141.263 milhões de euros, ou seja, um reforço superior a 20 milhões, face ao inicial de 120 milhões.

Na mesma nota, a CIMAA assinala que o projeto da Barragem do Pisão “é o mais importante investimento alguma vez realizado em todo o Alto Alentejo, com capacidade para modificar de forma significativa as oportunidades de desenvolvimento e captação de investimento e sustentabilidade do território, representando a concertação de quinze municípios, que se alinham em torno deste projeto, cujo potencial ambiental, agrícola, económico e social é considerado, por todos, como uma âncora de desenvolvimento para a região”. 

Para a CIMAA “as vantagens da futura Barragem do Pisão para o Alto Alentejo são inegáveis pelas suas múltiplas valências. Desde logo, porque permitirá reforçar o abastecimento de água a oito concelhos dos quinze do Alto Alentejo, mesmo em anos consecutivos de seca, como é expectável que aconteça decorrente das alterações climáticas.

A CIMAA acrescenta que “o empreendimento trará também uma capacidade de produção sustentável de energia, capaz de satisfazer mais de 50% nas necessidades de consumo energético de todo o Alto Alentejo, contribuindo para a redução da pegada de carbono e para concretização das metas do Plano Nacional de Energia e Clima (PNEC). Finalmente, a sua futura área de regadio garantirá ao Alto Alentejo uma agricultura mais sustentável, ao utilizar novas técnicas nas culturas tradicionais e, simultaneamente, ao permitir a aposta na implementação de novas culturas, que serão um contributo importante para atingir a autossuficiência do território em termos de produção agrícola”.  

A cerimónia de assinatura do novo contrato de financiamento para o Aproveitamento Hidráulico de Fins Múltiplos do Crato, está agendada para as 11:00 deste sábado, no Largo da aldeia do Pisão.