Gnr Caça

GNR deteta 140 crimes e efetua 113 detenções em operação de fiscalização cinegética

A GNR anunciou ter detido 113 pessoas e detetado 140 crimes relacionados com o exercício da caça durante a Operação Artémis, que decorreu em todo o país entre 20 de agosto de 2023 e 28 de fevereiro deste ano.

Durante a operação, foram fiscalizados 19.012 caçadores, e entre as detenções, 59 ocorreram por “exercício de caça em terrenos não cinegéticos, nos terrenos de caça condicionados sem consentimento de quem direito, nas áreas de não caça e nas zonas de caça às quais não se tenha legalmente acesso”.

Além disso, foram registadas 432 contraordenações, incluindo infrações relacionadas com documentação obrigatória para caçadores e transporte de armamento fora das condições legalmente previstas.

A operação visou prevenir e detetar irregularidades inerentes à atividade cinegética, promovendo a gestão sustentável dos recursos cinegéticos.

PUBLICIDADE