373666614 1234856973974201 6024067020623110072 N

Governo aprova medidas para apoiar pensionistas e reformados mais carenciados

O Conselho de Ministros aprovou, esta quinta feira, três medidas que visam aumentar os rendimentos dos pensionistas e reformados mais vulneráveis.

Em conferência de imprensa, no final da reunião de Conselho de Ministros, o primeiro-ministro, Luís Montenegro, anunciou que o Governo decidiu aumentar para 100% a comparticipação dos medicamentos com receita médica para os beneficiários do Complemento Solidário.

Montenegro lembrou que a comparticipação estava fixada em 50 %, acrescentando que a medida vai beneficiar 145 mil pensionistas e reformados.

O primeiro-ministro anunciou ainda que o Governo vai aumentar o valor de referência do Complemento Solidário para Idosos (CSI) em 50 euros, passando a ser de 600 euros, e que a partir de agora os rendimentos dos filhos deixam de figurar nas candidaturas para acesso, por parte dos idosos, ao CSI.

O Complemento Solidário Para Idosos é um apoio em dinheiro pago mensalmente aos idosos com baixos recursos e aos pensionistas de invalidez sem Prestação Social para a Inclusão.