foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 Rádio Portalegre A Mais Ouvida do Alentejo - 31 Anos ao Serviço da Região

Fique Em Casa / Cumpra as Normas da DGS / Proteja-se Por Si e Pelos Outros

Reabertura das fronteiras leva “enchente” de portugueses a Valência de Alcântara

Pode ser uma imagem de ao ar livre

(Por Carla Aguiã) - A reabertura das fronteiras terrestres com Espanha levou, este fim de semana, centenas de portugueses à estação de serviço de Valência de Alcântara, junto à fronteira com Marvão.

 

Em declarações à Rádio Portalegre José Casares, proprietário daquele estabelecimento, diz que o encerramento da fronteira “foi uma doença tão grave como o coronavírus”.

As longas filas de carros portugueses justificam-se sobretudo pelos preços mais acessíveis de combustível e gás, mas há outros bens que também se procuram do outro lado da fronteira, José Casares diz que se vende “um pouco de tudo”.

O mesmo responsável adianta que a afluência também se registou no sentido inverso, congratulando-se com o restabelecimento desta importante comunicação entre portugueses e espanhóis, após três meses de fronteiras encerradas, por causa da pandemia de covid-19.

José Casares é proprietário de uma estação de serviço em Valência de Alcântara, dos nove funcionário que emprega, sete são portugueses.