foto1.pngfoto3.jpgfoto4.pngfoto6.jpg

 

 Eleições Autárquicas 2021

Este Domingo a Partir das 20:00h Especial Eleições Autárquicas  na Rádio Portalegre

Não Perca os Resultados as Opiniões e Reações Dos Diferentes Candidatos às Eleições Autárquicas 2021

Rádio Portalegre - A Sua Rádio Todos os Dias

Futebol: Arronches e Benfica protagoniza “feito histórico” com apuramento para a segunda eliminatória da Taça de Portugal

Nenhuma descrição de foto disponível.

O Arronches e Benfica apurou-se este domingo para a segunda eliminatória da Taça de Portugal de Futebol, ao vencer na receção ao Vasco da Gama de Ponta Delgada, após a marcação de penáltis.

 

O jogo referente à primeira eliminatória da competição, disputado no Estádio Francisco Palmeiro, terminou com um empate 2-2, no final do tempo regulamentar.

Seguiu-se o prolongamento, e ao fim dos 30 minutos, e após um golo para cada lado, persistiu o empate, mas por 3-3.

Na marcação de grandes penalidades o Arronches e Benfica foi mais certeiro e venceu por 5-3.

O presidente do clube de Arronches, José Júlio Feiteira, ficou “extremamente satisfeito” com este feito histórico, na primeira participação da equipa de Arronches na Taça de Portugal.

José Feiteira considera justa a vitória do seu clube e reconhece que não foi fácil, mas destaca que o plantel foi “incansável e demonstrou uma entrega total”.

O dirigente assume que o Arronches e Benfica “quer seguir em frente na competição, consciente que o nível de dificuldade vai aumentar na próxima eliminatória”.

Sábado O Elvas e o Eléctrico foram afastados da Taça de Portugal.

Na primeira eliminatória da competição, o Elvas perdeu em casa com o Sacavenense por 2-0, enquanto o Eléctrico foi derrotado 6-0 na deslocação ao Alverca.

Em declarações à Rádio Portalegre o treinador do Elvas, Pedro Canário, não contesta o resultado mas reconhece que não esperava a derrota, até porque a sua equipa “teve mais bola” do que o adversário.

Pedro Canário agradeceu o apoio dos sócios e adeptos do azul e ouro e salientou ainda o facto do Elvas ter jogado “mais de uma hora” em inferioridade numérica”.

Por parte do Elétrico o treinador Emanuel Baleizão disse que, apesar da pesada derrota, a equipa “saiu de cabeça levantada” e encarou o jogo como “mais um momento de preparação para a esta época desportiva”.

Emanuel Baleizão valorizou a atitude e postura da sua equipa e realçou o facto do Alverca ser uma equipa “muito superior” ao Elétrico, atribuindo a vitória à “supremacia do adversário”.