Portalegre Piscina

Portalegre:Ano novo traz novas obras, reforço de verbas para as freguesias e descida do IMI

A piscina municipal descoberta de Portalegre, encerrada há vários anos, é uma das infraestruturas da cidade que o município prevê requalificar em 2024.

Em declarações a esta estação emissora, a presidente da Câmara de Portalegre, Fermelinda Carvalho, revelou que estão a ultimar o projeto de arquitetura  e que a obra deverá arrancar ainda no primeiro trimestre do novo ano.

A requalificação do parque de campismo do complexo da Quinta da Saúde e a criação de uma área para autocaravanas em Ribeira de Nisa são projetos que o município também pretende dar andamento.

2024 é apontado também como o ano de conclusão, até final de março, da obra de requalificação da Escola Cristóvão Falcão, a maior obra de sempre do município de Portalegre,  com um investimento superior a 5,1 milhões de euros.

Ainda ao nível da Educação, a autarca social democrata promete “grandes investimentos” nas escolas, destacando a “renovação” da Escola José Régio, que deverá começar depois de concluída a empreitada da Escola Cristóvão Falcão.

Na área da habitação, a autarquia vai desenvolver obras em 109 fogos, 19 dos quais que se encontram devolutos, prevendo-se ainda a aquisição de alguns fogos desabitados no centro histórico, para posterior recuperação.

Fermelinda Carvalho assinalou ainda o reforço das verbas a transferir para as freguesias, e o desenvolvimento de várias obras nas freguesias rurais, destacando a ampliação do cemitério de Urra, o melhoramento do Largo do Rossio, em Alagoa, e do Centro Cultural de Fortios.

A aplicação da taxa mínima do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI), que tinha sido uma das promessas eleitorais de Fermelinda Carvalho, é outra das garantias da autarca para 2024 no concelho de Portalegre.

Foto:Paulo Moreira