Orçamento

Portalegre:Câmara aprova orçamento para 2024 de 31,2 milhões de euros

A Câmara de Portalegre, liderada pela coligação PSD/CDS-PP, aprovou, esta quarta feira, por maioria o orçamento para 2024, no valor de 31,2 milhões de euros, menos 2,6 milhões de euros em comparação com o orçamento de 2023.

O documento, no montante de 31.208,168 milhões de euros, foi aprovado com quatro votos favoráveis, três dos eleitos da coligação PSD/CDS-PP e um do vereador da CLIP, Nuno Lacão. Votaram contra, os dois eleitos do PS e o vereador João Nuno Cardoso, eleito pela CLIP.

Um terço do orçamento camarário, cerca de 11 milhões de euros, destina-se a despesas com pessoal, e 10,6 milhões de euros para despesas de capital.

A presidente da Câmara de Portalegre, Fermelinda Carvalho, que falava na reunião extraordinária do executivo municipal, assinalou que em 2024 vão investir cerca de um milhão de euros para conclusão das obras remodelação e ampliação da Escola Cristóvão Falcão.

Ainda no plano da Educação, a autarca, sem especificar a verba, indicou que o orçamento prevê um montante para a empreitada da Residência de Estudantes, no centro da cidade, que se encontra em fase de conclusão.

A autarquia vai ainda transferir uma verba “significativa”, mais de 300 mil euros, para a Junta de Freguesia da Urra, para a obra do cemitério daquela aldeia.

O executivo municipal aprovou ainda o Orçamento dos Serviços Municipalizados de Águas e Transportes (SMAT) de Portalegre para 2024.

Com um valor de 6.549,235 milhões de euros, mais cerca de 400 mil euros, face ao orçamento de 2023, o documento foi aprovado por maioria, com as abstenções dos eleitos do PS e do vereador da CLIP, João Nuno Cardoso.

Estes documentos terão ainda de passar pelo “crivo” da Assembleia Municipal, marcada para o dia 21 de dezembro.