Sem Título

Volta Alentejo: Leangel Liñarez vence segunda etapa

O venezuelano Leangel Liñarez (Tavfer/Ovos Matinados/Mortágua) nunca mais esquecerá Grândola como a localidade alentejana onde conseguiu dois dos mais saborosos triunfos da sua carreira profissional.

O corredor natural de Barinas, na Venezuela, conhecido como “El Chispas” (O Faísca) triunfou na etapa que teve final na “Vila Morena” e no Memorial que lembra o 25 de Abril, voltou a subir ao pódio como vencedor da etapa.

Foi a primeira vitória da temporada, a oitava na sua carreira iniciada em Portugal em 2019, correndo sempre da equipa de Mortágua e a segunda consecutiva em Grândola repetindo o triunfo de 2023 e no mesmo local.

A tirada foi marcada por uma fuga, iniciada ao quilómetro 10, integrando quatro corredores e que teve a máxima vantagem de 2’45” em Canhestros, concelho de Ferreira do Alentejo, percorridos 105 quilómetros. Na escapada estava Julen Amezqueta (Illes Baleares/Arabay Cycling) que na Geral estava a 31″ do líder e que era um perigo para a camisola amarela daí que a Caja Rural/Seguros RGA, deixou que a mesma pudesse sair do corpo de Thomas Silva.

Os fugitivos andaram na frente da corrida e foram alcançados já na subida para a Serra de Grândola a uma dezena de quilómetros do final da tirada. Depois da equipa espanhola, foi a Tavfer/Ovos Matinados/Mortágua a assumir o controle para o triunfo de “El Chispas” em Grândola.

Numa longa e larga reta, o venezuelano bateu toda a concorrência, onde estavam nos lugares da frente Daniel Babor e Iuri Leitão, os companheiros do camisola amarela.
Esta sexta-feira disputa-se a terceira tirada, a chamada “Etapa do Alqueva”, com partida de Mourão (11h20) e chegada a Reguengos de Monsaraz (15h36), com duas passagens pelo Alto de Monsaraz e uma pela Serra d’Ossa.
PUBLICIDADE